Projeto Restinga

O Vale do Ribeira é considerado a mais importante reserva de água doce dos estados detresirmaos São Paulo e do Paraná e um dos mais conservados bancos genéticos do território nacional. Ele abriga cerca de 60% da Mata Atlântica remanescente no Brasil, 150 mil hectares de restinga e 17 mil hectares de manguezais, sendo declarado pela UNESCO a “Patrimônio Natural e Cultural da Humanidade” em 1999 por conter em si uma das maiores biodiversidades do planeta.

Cananéia faz parte do Complexo Estuarino-Lagunar Iguape-Cananéia-Paranaguá, que está inserido no maior contínuo de Mata Atlântica do Mundo. A região é um grande mosaico de Unidades de Conservação. Por isso, a questão ambiental é latente na cidade. No entanto, a comunidade urbana nem sempre conhece o valor ambiental do Município em que vive. Além disso, a cidade é afastada de grandes centros e oferece poucas oportunidades de formação educacional e técnica ou de formação extra curricular aos seus jovens.

Para contribuir com a conservação do rico patrimônio natural, histórico e cultural desta região é essencial oferecer para a população local a oportunidade de conhecer informações científicas e de sistematizar o seu saber tradicional local. Ainda, para que este conhecimento provoque uma efetiva mudança de comportamento e amplie cada vez mais o potencial da população local é necessário que ela perceba a relação entre o que está aprendendo e o seu cotidiano.

O Projeto Restinga tem como objetivo principal a recuperação de uma área de Restinga localizada às margens do Rio Olaria, em Cananeia, e ao mesmo tempo conscientizar jovens do ensino médio da cidade sobre a importância desse tipo de ação e capacitando-os para replicá-la.

_MG_3252Os objetivos específicos do projeto são:

1) Realizar o plantio de 1500 mudas de espécies nativas em 8000 m² e monitorar seu crescimento durante 22 meses;

2) Avaliar se o plantio de mudas favorece processos ecológicos, como a instalação de novas plantas e a fixação de carbono;
3) Avaliar mensalmente a diversidade e riqueza de insetos polinizadores de todas as parcelas e, através da comparação estatística com áreas controle, determinar se o plantio de mudas aumenta a presença dos polinizadores;
4) Montar um grupo com sete jovens do ensino médio de Cananéia e capacitá-los com oficinas técnicas que os permita acompanhar os aspectos biológicos do projeto.
5) Capacitar esse grupo de jovens com oficinas de fotografia, vídeo, design gráfico, webdesign, edição e impressão de imagens para permitir que eles participem ativamente da divulgação do projeto e da importância desse tipo de ação.
6) Promover ações que divulguem o projeto e a sua importância fortalecendo a conscientização ambiental e o envolvimento da comunidade.

 

 

 

Patrocínio:

petrobrás          petrobras_socioambiental

Apoio:

Pousada Villa de Cananea

Parceiro:

Prefeitura Municipal da Estância de Cananéia